Leitura de hoje: Levitico 20:22 – 22:16 (leitura adicional, Salmos 43:1-5 e Provérbios 10:18)

Versículo-chave: “Os sacerdotes obedecerão aos meus preceitos, para que não sofram as conseqüências do seu pecado nem sejam executados por tê-los profanado. Eu sou o Senhor, que os santifico.” Levitico 22:9

Oito vezes diferentes no Antigo Testamento Deus revelou-se por nomes, que revelou não só quem Ele é (seu caráter), mas também o que ele faz (sua contribuição para nossas vidas). Já vimos alguns desses nomes enquanto viajamos pelo Antigo Testamento e hoje, em Levítico 22:9, descobrimos um novo nome, na sua Bíblia, pode-se ler que Eu sou o SENHOR, que os torna santos, mas no hebraico diz JEHOVAH-M’KADDESH – O SENHOR QUE SANTIFICA.

Nós santificamos as coisas o tempo todo, embora não usemos muito a palavra. Um exemplo é quando santificamos ou separamos duas pessoas em casamento. Para ser separado ou santificado é uma grande coisa:

Nancy Leigh DeMoss escreveu: “Aprendi cedo a ser “separada” não é uma punição; não é uma tentativa da parte de Deus privar-nos ou condenar-nos a um estilo de vida sem alegria. É um privilégio inestimável – é um chamado para pertencer, ser apreciado, entrar em um relacionamento de amor íntimo com o próprio Deus, tanto quanto um noivo declara sua intenção de separar sua noiva de todas as outras mulheres para ser sua amada esposa; para encaixar no grande e eterno plano de nosso Deus redentor para este universo; para experimentar as alegrias requintadas e propósitos para os quais fomos criados; para ser libertado de tudo o que destrói nossa verdadeira felicidade”.

Há uma história local aqui no País de Gales de um jovem ministro sendo acompanhado para entrar em uma mina de carvão. À entrada de uma das passagens, ele viu uma flor branca bonita que crescia da Terra negra. “Como ela pode florescer com tal pureza e brilho nessa mina suja?” perguntou o pregador.

“Lança um pouco de pó de carvão e veja por si mesmo”, respondeu o guia. Quando o fez, ele ficou surpreso com o fato de que as partículas finas e de fuligem deslizavam diretamente sobre as pétalas nevadas, deixando a planta tão amável e sem manchas como antes. Sua superfície era tão suave que a areia e a sujeira não podiam aderir a ela.

Ah, que nossos corações tenham a mesma característica. Assim como essa flor não conseguiu controlar o seu habitat, não podemos evitar o mal em um mundo cheio de pecado. No entanto, a graça de Deus pode nos manter limpos e sem mancha, embora nós toquemos todos os lados, não nos agarrará.
Pelo poder de limpeza de Sua Palavra e pela influência santificadora de Seu Espírito Santo, é possível para nós permanecer “limpos em um lugar sujo”. Deus (JEHOVAH-M’KADDESH) nos separa para desfrutar a vida Nele.

Reflexão

  • Como você pode ser separado para Deus?
  • Como você pode proteger sua vida da influência do pecado?
  • Como você pode brilhar na escuridão?

Oração

Pai, Obrigado por nos separar para desfrutar a vida em Você. Muitas vezes, somos tocados pelas coisas nocivas neste mundo, mas nos ajude-nos a estar tão envolvidos em Você para que nossa conduta ou santidade não seja afetada. Ajude-nos a viver para ãoocê. Em nome de Jesus, Amém.

Pin It on Pinterest

Share This

Share This

Share this post with your friends!

Malcare WordPress Security