Leitura de Hoje: 2 Reis 13:1 – 14:29 (leitura adicional: Salmos 146:1-10 e Provérbios 18:2-3)

Enquanto olhamos para o texto de hoje, não podemos enfatizar o suficiente para que, em toda a Palavra de Deus, aprendamos que a vitória em qualquer batalha em que o povo de Deus esteja não será ganha através de poder físico, intelectual ou político, mas pelo poder de Deus.

O Salmo 20: 7 diz: “Alguns confiam em carros e em alguns cavalos, mas nós confiamos no nome do Senhor nosso Deus.”

“Esta é a palavra do Senhor para Zorobabel: ‘Não por força nem por violência, mas pelo meu Espírito’, diz o Senhor dos Exércitos.” Zacarias 4: 6

O Poderoso Sansão só era poderoso quando “o Espírito do Senhor se precipitou sobre ele” (Juízes 14: 6). Ele descobriu isso da maneira mais difícil quando o Espírito do Senhor o deixou.

E quem poderia esquecer Gideão em Juízes 7. Deus propositalmente reduziu o tamanho do exército a meros 300 para que Israel reconhecesse a libertação proveniente de Deus e não do poderio militar de Israel.

Nossa história hoje de Joás e Eliseu não é diferente. A imposição simbólica das mãos e a declaração a respeito da flecha deveriam mostrar a Joás que a vitória seria ganha pelo poder de Deus, não pelo poder de Israel ou pela habilidade de Joás como líder. Deus estava dando a Joás a oportunidade de uma vida.

No entanto, o que lemos é que Joás aproveitou uma oportunidade de ouro e a transformou em uma oportunidade perdida devido à falta de fé. Deus quer que você acredite em coisas maiores e melhores e você está preso em um ciclo de incredulidade.

Reflexão

  • Você tenta viver pelo seu poder ou pela graça de Deus?
  • Como Deus está chamando você para mostrar grande fé?

Oração

Pai, obrigado que Você é todo-poderoso e que nada é muito difícil para Você. Ajude-nos a parar de tentar viver a vida por nossa própria força e habilidades, mas confiar em Você. Obrigado que nos dar fé para acreditar. Em nome de Jesus, Amém.

Pin It on Pinterest

Share This

Share This

Share this post with your friends!