Leitura de Hoje: 1 Crônicas 2: 18-4: 4 (leituras adicionais: Salmos 4: 1-8 e Provérbios 18: 16-18)

É incompreensível para mim como algumas pessoas tratam a igreja da mesma forma que tratam do seu trabalho. Eles só aparecem para o “relógio”, depois reclamam de tudo o que está acontecendo, mas não fazem nada para ajudar no assunto. Devemos nos cansar de viver dia após dia sem alegria, paz e felicidade em nossas vidas.

Nós deveríamos nos cansar de deixar a igreja toda semana da mesma maneira que entramos:

  • Saindo com os mesmos problemas antigos …
  • Saindo com as mesmas velhas mágoas …
  • Saindo com os mesmos velhos corações …
  • Saindo com a mesma velha desilusão …
  • Saindo com as mesmas velhas contrariedades …

Parte do problema é a nossa resposta ao que a vida nos traz. Parte do nosso problema é que não louvamos a Deus apesar dos nossos problemas. Todos nós conhecemos o ditado: “quando os louvores aumentam, as bênçãos caem”, mas realmente conhecemos e compreendemos o Poder do Louvor…?

Louvor pode fazer as paredes caírem… (Pergunte a Josué…) O louvor pode acabar com a fúria do fogo… (Pergunte aos 3 meninos hebreus…) O louvor pode extinguir o apetite de um leão… (Pergunte a Daniel…) O louvor pode abrir a porta da prisão .. (pergunte Paulo e Silas) “Há poder em louvor”.

O texto de hoje nos informa que Judá teve alguns filhos. O nome Judá significa Louvor. Precisamos nos tornar “filhos de louvor”. Da mesma forma que herdamos os traços de nossos pais, precisamos permitir que o louvor influencie nossa pessoa e a maneira como vivemos.

Reflexão

  • Como o louvor é visto em sua vida?
  • Você é uma pessoa que louva ou reclama?

Oração

Pai, obrigado por termos tanto a louvar por você. Obrigado que você é tão bom para nós. Ajude-nos a louvar e celebrar tudo o que Você é e faz. Em nome de Jesus, Amém.

Pin It on Pinterest

Share This

Share This

Share this post with your friends!

Malcare WordPress Security