Leitura de hoje: Números 26:1-51 (leitura adicional, Salmos 60:1-12 e Provérbios 11:15)

Versículo-chave: “Façam um recenseamento de toda a comunidade de Israel, segundo as suas famílias; contem todos os de vinte anos para cima que possam servir no exército de Israel”. Números 26:2

Embora Moisés não tenha permissão para entrar na Terra Prometida, ele passou as últimas semanas de sua vida preparando a nova geração para entrar em Canaã e reivindicando a terra que Deus prometeu dar a eles.

À primeira vista, a leitura de hoje pode parecer exatamente outra longa lista de nomes, mas este capítulo nos lembra da fidelidade de Deus. Lemos que o recenseamento novo deveria ser tomado em antecipação à atribuição de terras às famílias das tribos, um novo líder foi identificado em Josué, e a lei de Deus em relação às ofertas foi focada. O objetivo principal da numeração era verificar como a terra de Canaã seria atribuída às diferentes tribos.

O primeiro censo (1:1 – 2:33) contou os hebreus que deixaram o Egito. Mas quando a velha geração morreu no deserto, outro censo era necessário para conhecer os hebreus prontos para entrar na Terra Prometida. O primeiro censo revelou que havia um total de 603.550 soldados disponíveis (1: 45-46). Este novo recenseamento mostrou que, embora mais de 600 mil homens (sem contar mulheres e crianças) tenham morrido no deserto, a população masculina de Israel já era de 606,730 (v. 51). Quando você considera que todo homem já havia sido substituído nos últimos trinta e oito anos, exceto por apenas 1.820 homens, esse total é bastante notável. Assim como Deus havia multiplicado o Seu povo durante seus anos de sofrimento no Egito (Ex. 1: 7, 12), então os fez frutíferos durante seus anos viajando no deserto.

Às vezes, pode parecer que Deus não está fazendo muito em nossas vidas e que estamos apenas caminhando em torno de algum tipo de deserto. Mas mesmo quando para nós parece que não há direção, Deus está nos construindo e nos fortalecendo. Nenhum tempo em nossa vida é desperdiçado se caminharmos com Deus. É essencial para nós lembrar que Deus ainda está no negócio de construir o seu povo e está no trabalho, mesmo nos momentos em que parecemos estar em rodando círculos.

Reflexão

  • Você ficou frustrado com a sensação de ficar preso?
  • Como Deus tem trabalhado em sua vida que você não percebeu?
  • Como Deus esteve no trabalho na sua igreja e país?

Oração

Pai, Obrigado que Você é sempre fiel. Obrigado, mesmo nesses momentos em que não parece estar acontecendo muito, que Você ainda está no trabalho, construindo-nos e dirigindo-nos. Ajude-nos a notar e agradecer por tudo o que Você faz. Em nome de Jesus, Amém.

Pin It on Pinterest

Share This

Share This

Share this post with your friends!

Malcare WordPress Security