Versículos-chave: “Cada um examine os próprios atos, e então poderá orgulhar-se de si mesmo, sem se comparar com ninguém, pois cada um deverá levar a própria carga.” Gálatas 6:4,5

Uma das coisas mais difíceis de fazer na vida é assumir a responsabilidade por nossas próprias ações. É muito mais fácil culpar alguém ou suas circunstâncias. Uma música famosa de Jack Johnson ‘Cookie Jar’ é sobre culpando os outros. “Bem, não fui eu”, diz o garoto com a arma, “certeza que eu puxei o gatilho, mas precisava ser feito.” O jovem homem armado se vê como uma vítima de sua sociedade e educação: “A vida está me matando desde o começo, você não pode me culpar porque eu sou muito jovem.” A canção continua com seus pais culpando a TV. O homem na TV culpando o público e assim por diante. Esta canção realmente resume a filosofia da nossa época, onde há sempre alguém para culpar.

Nós vemos algo semelhante sobre assumir a responsabilidade desde o início da Bíblia. Você se lembra como Adão culpou Eva e Eva culpou a serpente em Gênesis 3? Da mesma forma, em Êxodo 32:21-24, vemos Arão sendo confrontado acerca da sua ação na criação do bezerro de ouro. Ele responde: “Não te enfureças, meu senhor; tu bem sabes como esse povo é propenso para o mal.” Em outras palavras, a culpa era do povo. Mais tarde, ele continua a dizer que ele “apenas” jogou o ouro no fogo. Como se fosse tipo “apenas aconteceu, não me culpe.” Da mesma forma, o rei Saul tenta convencer Samuel que mesmo que ele tivesse pecado, ele o fez por causa da pressão do povo (1 Samuel 15:15, 21, 24).

O arrependimento genuíno aceita a responsabilidade. 1 João 1: 9 diz: “Se confessarmos os nossos pecados, ele é fiel e justo para nos perdoar os pecados e nos purificar de toda injustiça.” Observe NOSSOS pecados, e não os erros de nossos pais ou da sociedade, NOSSOS erros, NOSSOS pecados. Deixar de aceitar a responsabilidade pessoal pode trabalhar em sua vantagem na ocasião, a curto prazo, mas é prejudicial para a sua caminhada em curso com Cristo. Até que estejamos dispostos a admitir nossos pecados e assumir a responsabilidade por nossas ações, não seremos capaz de confessá-los e experimentar o perdão e purificação que Deus quer nos dar.

Pin It on Pinterest

Share This

Share This

Share this post with your friends!

Malcare WordPress Security