Verso-chave: “Então lhes disse claramente: “Lázaro morreu, 15 e para o bem de vocês estou contente por não ter estado lá, para que vocês creiam. Mas, vamos até ele”. João 11: 14-15

Durante o último mês, consideramos algumas das pessoas que Deus usou em toda a Bíblia. Vimos que muitos deles eram uma escolha improvável e poderíamos continuar a olhar para muitos outros. Espero que isso tenha sido de grande encorajamento para você, porque Deus ainda usa o improvável e deseja usar sua vida para sua glória.

Hoje nós vamos terminar esta série considerando a mais improvável de todas as pessoas que Deus poderia usar. Quaisquer que sejam os obstáculos que você pensa que o impedem de ser usado por Deus, todos eles caem em insignificância em comparação com Lázaro. Ele estava morto!

Jesus freqüentemente visitava Maria, Marta e Lázaro em sua casa no Monte das Oliveiras. Em Lucas 10, vemos a cena em que Marta estava distraída por todos os preparativos que tinham de ser feitos e Maria estava passando o tempo ouvindo Jesus. Claramente, Jesus tinha um relacionamento próximo com esta família, porque em João 11:3 “as irmãs enviaram a palavra a Jesus,” Senhor, aquele que amas está doente “. Jesus amava essa família.

A família esperava que Jesus voltasse e curasse Lázaro, mas Jesus manteve-se sintonizado com o tempo perfeito de seu Pai. Quando ele chega à sua casa, Maria e Marta estão de luto e Lázaro está morto e enterrado. Em João 11:39 lemos: “Tira a pedra”, disse ele (Jesus). “Mas, Senhor”, disse Marta, irmã do morto: “Senhor, ele já cheira mal, pois já faz quatro dias”.

Lázaro está morto há quatro dias. Seu corpo já havia começado a se decompor, e o odor embebido por detrás da pedra. Você consegue pensar em alguém menos propenso a ser usado por Deus? Provavelmente, poucos, se algum, que leram isto, e que experimentou a morte física, mas a Bíblia nos diz em Efésios 2:1 que estávamos todos “mortos em nossas transgressões e pecados”. Romanos 5:12 continua: “Assim como o pecado entrou no mundo através de um homem e a morte pelo pecado, e assim a morte veio a todos, porque todos pecaram”. Podemos não ter experimentado a morte física, mas a espiritual sim, cada um de nós estava morto em nossas transgressões e pecados. Estávamos separados de Deus e tão útil como um cadáver em decomposição.

Enquanto as irmãs de Lázaro choravam, Jesus falou estas belas palavras. João 11: 25-26 “Disse-lhe Jesus: Eu sou a ressurreição e a vida. Quem crer em mim viverá, embora morra; E quem vive por crer em mim nunca morrerá. Você acredita nisso? “  Jesus caminha até a sepultura, diz-lhes para remover a pedra e “Quando ele disse isso, Jesus chamou em alta voz, “Lázaro, venha para fora!” O homem morto saiu, suas mãos e pés enrolados com tiras de linho, e um pano ao redor de seu rosto. Disse-lhes Jesus: “Tirem as faixas dele e deixem-no ir”. (João 11: 43-44)

O versículo seguinte (João 11:45) diz: “Portanto, muitos dos judeus que tinham vindo visitar Maria, e tinham visto o que Jesus tinha feito, creram nele”. No capítulo seguinte lemos em João 12: 9-11 “Enquanto isso, uma grande multidão de judeus, ao descobrir que Jesus estava ali, veio, não apenas por causa de Jesus, mas também para ver Lázaro, a quem ele ressuscitara dos mortos. Assim, os chefes dos sacerdotes fizeram planos para matar também Lázaro, pois por causa dele muitos estavam se afastando dos judeus e crendo em Jesus.

Lázaro estava morto na sepultura, mas duas palavras de Jesus, e ele está de volta vivo e traz muitas almas para o Reino. O povo queria ver o homem que tinha sido trago da morte para a vida e hoje as pessoas ainda querem ver pessoas vivendo no poder da ressurreição. Se você é um crente, este também é o seu testemunho. Deus te tirou da morte para a vida. Estamos vivos pelo poder da ressurreição de Cristo, e nosso testemunho deve ser evidente para todos verem.

Pin It on Pinterest

Share This

Share This

Share this post with your friends!

WordPress Security