Versículo-chave: Bendito seja o Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo, Pai das misericórdias e Deus de toda consolação, 2 Coríntios 1:3

Deus não nos prometeu uma vida fácil, mas Ele prometeu estar conosco através de cada dificuldade e nos confortar. Há inúmeras coisas que aprendemos somente através de sofrimento, mas o mais importante delas é que Deus é o Deus de toda consolação.

Quando Paulo descreve Deus como o Deus de toda a consolação, ele estava falando de uma experiência pessoal. Mais tarde, em, 2 Coríntios 11: 23-28 diz “….trabalhei muito mais, fui encarcerado mais vezes, fui açoitado mais severamente e exposto à morte repetidas vezes. Cinco vezes recebi dos judeus trinta e nove açoites. Três vezes fui golpeado com varas, uma vez apedrejado, três vezes sofri naufrágio, passei uma noite e um dia exposto à fúria do mar. Estive continuamente viajando de uma parte a outra, enfrentei perigos nos rios, perigos de assaltantes, perigos dos meus compatriotas, perigos dos gentios; perigos na cidade, perigos no deserto, perigos no mar, e perigos dos falsos irmãos. Trabalhei arduamente; muitas vezes fiquei sem dormir, passei fome e sede, e muitas vezes fiquei em jejum; suportei frio e nudez. Além disso, enfrento diariamente uma pressão interior, a saber, a minha preocupação com todas as igrejas.              

Paulo era um homem que aparentemente tinha todo o direito de reclamar sobre os seus sofrimentos, mas ao invés disso, ele louva a Deus que é a fonte de todo o conforto. É vital que notemos, que ele não disse que Deus é a fonte de algum conforto, mas de todo o conforto. o conforto de Deus é único. Como Ele, é infinito, sem limites, imutável e sempre presente. Nossas dificuldades são temporárias, mas o conforto de Deus é eterno. 2 Tessalonicenses 2:16 diz: “Que o próprio Senhor Jesus Cristo e Deus nosso Pai, que nos amou e nos deu eterna consolação e boa esperança pela graça.”

Deus nunca nos deixará órfãos. Como crentes, nós podemos manter firme a promessa de Jesus que Ele enviaria o Espírito Santo como nosso Consolador (João 14: 16-18). Todos experiênciamos dor durante a vida, mas em meio ao nosso sofrimento, Deus é nosso Consolador. Ele nos encontra no meio da tempestade para fortalecer a nossa fé e confiança Nele.

Read in English

Pin It on Pinterest

Share This

Share This

Share this post with your friends!

Malcare WordPress Security